Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Outubro 2006

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031


Pesquisar

 


Capaz de ser feliz ou não: eis a questão!

Domingo, 08.10.06
Como devem ter reparado coloquei uma votação no blog. Consistia em responder se consideravam que era possível ser-se completamente feliz ou não.
            Resolvi colocar esta questão visto que a felicidade é algo que está relacionada com todos – ou pelo menos assim o desejamos!
            No fundo, o objectivo de vida de todos, corrijam-me se estiver errada, é ser feliz. A maneira de o ser, aí já varia consoante a pessoa, mas não haja dúvida que todos ambicionamos ser felizes.
            Agradeço a todos os que responderam a esta pergunta. Os resultados foram os seguintes:
   Ficou claro que a maioria pensa que não é possível ser-se completamente feliz. Eu concordo. Já houve tempos em que pensei eu era possível, sentirmo-nos completamente felizes, achar que já não queremos mais nada na vida e que tudo está bem. Porém, como me disse o meu pai, penso que tal não é possível. Pode acontecer que, durante algum tempo, achemos que temos tudo o que queremos e nada nos faz falta, porém isso é passageiro. Algum tempo depois certamente aparece algo que nós queremos (material ou não) depois outra coisa, e outra… Não é assim?
De qualquer forma isso também é bom, pois se assim não fosse e os nossos objectivos estivessem sempre cumpridos, a vida perderia parte da sua piada.
Comparemos a um jogo de computador: se jogarmos com os chamados códigos, em que é possível ter o que quisermos no jogo, torna-se muito bom no início - pois podemos usufruir de muita coisa que sem códigos não poderíamos - mas, passado algum tempo e já se ter tudo, o jogo fica maçador, pois não há nada de novo a fazer… Por isso talvez esta felicidade efémera que existe seja boa, já que nos permite saborear melhor esses momentos de completa realização que, por vezes, nos surgem.
 
Claro, que isto é a minha humilde opinião. Quem sabe? Se pessoas responderam que sim, pode ser-se completamente feliz, é porque é possível. Por isso, toca toda a gente a lutar pela sua felicidade, principalmente porque diminui o risco de doenças cardiovasculares, se não estou em erro!
 
Sejam felizes, nem que por alguns momentos, mas sejam!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por cricri às 18:45

8 comentários

De Rastr a 08.10.2006 às 22:58

Oi ! Eu fui um dos que votou NÃO. Se tivesses feito a pergunta, se é possivel ser completamente feliz MOMENTANEAMENTE, eu diria que sim. Pois como tu já disseste e muito bem neste excelente post, todos nós temos os nossos momentos.
Um abraço

Comentar post



Comentários recentes

  • cricri

    Obrigada!Tenho de me voltar a dedicar um pouco mai...

  • sol

    Encontrei o teu blog por acaso e gostei muito !Seg...

  • cricri

    Muito obrigada! Umas felizes festas!

  • Teresa

    Feliz Natal e parabéns pelo destaque :)

  • rvqgmccjoqk

    RvGZjH <a href=\"http://msepxzxnvpqg.com/...